segunda-feira, 21 de outubro de 2013

As pessoas só sabem



  o quanto nos magoam, quando passam por situação semelhante. Só sabem da intensidade da dor que sentimos, quando sentem a mesma dor. Assim como nos bons momentos, só sabem o tamanho da saudade quando vivem aquilo que vivemos, e então sentirão saudade igual.

terça-feira, 15 de outubro de 2013

A vida é um eterno mistério.



 E justamente por isso temos de fazer tudo o que somos capazes, hoje. Amar. Perdoar o outro e a si mesmo. Fazer sorrir aqueles que você ama e sorrir também. Abrir seu coração. Desabafar. Se declarar. Sonhar. Fazer o bem. Viver intensamente cada minuto como se fosse o último. Sabemos apenas do agora. Amanhã você pode perder seus bens materiais, ou perder pessoas queridas, e até ser a perda delas... Quem pode saber? Quem pode prever? A vida é imprevisível, mas, independente do que acontecer, jamais podemos perder a fé nela. Tudo acontece por razões que podemos desconhecer. Então viva bem, o quanto lhe for permitido...

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Hurricane.

Esse "furacão" no facebook de pessoas trocando as fotos do perfil por suas fotos de criança mexeu muito comigo, confesso. Fui atrás de fotos minhas de quando pequena e isso me emocionou bastante, me remeteu à tantas lembranças, tantos sentimentos...
Tenho saudade de ser apenas a princesa da mamãe e do papai, sem demais preocupações, só me preocupar em ficar dentro do abraço deles e das outras pessoas que amava e admirava... Hoje o que me preocupa é o que essas pessoas se tornaram, e se isso influencia diretamente no que eu me tornei. Hoje, eu olho para trás e, antes de chegar às boas lembranças, me deparo com as inúmeras mágoas, momentos tristes e difíceis pelos quais passei...
Me deu saudade principalmente da inocência, de quando eu ainda acreditava nas pessoas, que tinha muita fé nelas. Quando eu acreditava que tudo era pra sempre: a permanência das pessoas na nossa vida, as amizades, os afetos... Até eu começar a crescer, amadurecer e perceber que, quem se vai raramente volta; os amigos não serão amigos pra sempre; os sentimentos de amor não serão eternos, assim como os de ódio também não; o tempo passa e as pessoas se escondem atrás de máscaras; aquelas pessoas por quem temos mais afeto são as que mais nos magoam. Aprendi isso da maneira mais dolorosa. Perdi muitas pessoas, mesmo que a maioria delas ainda conviva comigo...

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Me assusta a ideia...

... de um dia eu me deixar ser tomada pelo comodismo, pelo 'tanto faz', sentar na frente dos meus problemas e fingir que está tudo bem; de ser magoada ou aborrecida e fingir que nada aconteceu, para não 'perder alguém'. E talvez seja isso que afaste as pessoas de mim: o fato de elas se conformarem com tudo, aceitarem qualquer coisa como perfeitos robôs, não correrem atrás, não questionarem nada, e eu não ser assim...
Talvez seja esse o motivo de tanta gente me odiar, se afastar ou não me aceitar. Talvez por isso meus dias sejam tão complicados, e eu seja tão insatisfeita com as pessoas e situações.
Me sinto uma louca no meio de gente normal.. Ou eu seria uma normal no mundo dos loucos?

(Escrevi isso agora, porque estou mergulhada num mar de indecisões, dúvidas, e muita insatisfação).