domingo, 5 de maio de 2013

Sou uma pessoa extremamente carente e não tenho vergonha de assumir isto. Sou carente de abraços inesperados, de cafuné e de ligações ou sms num dia qualquer. Sinto falta de ter alguém comigo sempre, longe ou perto, que compreenda meu silêncio, que cure minha solidão e que me arranque sorrisos com qualquer bobagem. Sinto falta de pessoas que me procurem quando eu preciso, e não somente quando precisam de algo.
Daí olho no espelho, me pego triste mais uma vez e enfim chego a conclusão ''Eu não sou deste mundo.''

Nenhum comentário:

Postar um comentário